Matinal News

Após alta de casos, Litoral vê drama na UTI

Change Size Text
Após alta de casos, Litoral vê drama na UTI

O que você precisa saber hoje

Litoral Norte tem o quadro mais crítico de hospitalizações no RS – Nem três semanas depois de se colocar em alerta em razão de uma forte alta de casos ativos, a região de Capão da Canoa, composta por 23 municípios, está com apenas um leito de UTI privado vago; no SUS, a ocupação é de 100%. É a pior situação no RS em relação às internações de pacientes graves com Covid-19. O cenário crítico deve levar o Palácio Piratini a antecipar a abertura da Operação RS Verão Total, que estava prevista para iniciar em 19 de dezembro. Neste ano, a ação terá como foco a prevenção à Covid-19. Na manhã de hoje, será detalhada a liberação dos recursos que serão destinados a municípios e entidades hospitalares mais impactados pela alta no movimento durante o verão. Uma das metas será não ver por aqui o repique que vive Florianópolis, provocado por aglomerações nas praias, conforme especialistas. Às vésperas da estação mais quente do ano, eles argumentaram que só o calor não será o bastante para segurar a transmissão do vírus.

Hora de retomar o cuidado contra o coronavírus – Mas não apenas o litoral que preocupa. Para a diretora-presidente do Hospital de Clínicas de Porto Alegre, Nadine Clausell, a piora no cenário epidemiológico da Capital é resultado do relaxamento coletivo das medidas preventivas, como distanciamento social, uso da máscara e higienização, fenômeno que ela vê se repetir em todo o mundo. A professora ressalta que essa sensação geral de que “ninguém aguenta mais” está presente também entre os profissionais da saúde, esgotados pelo acúmulo do trabalho na linha de frente desde março. “Como eu notei uma modificação no comportamento das pessoas, esta curva só vai aumentar. As fotos do litoral, vocês estão acompanhando, praias lotadas. Se casos do litoral aumentam, vêm pra Porto Alegre”, afirmou, à Rádio Gaúcha. “Cada um de nós pode fazer um pouquinho, segurando um pouco as coisas, não fazendo aquele churrasquinho, não indo tomar um drink. Não dá pra fazer isso.” 

Varejistas preocupam-se com retrocesso nas flexibilizações das atividades – Como era de se esperar, a decisão da Prefeitura de suspender novas flexibilizações para as atividades econômicas na reta final do ano não foi bem recebida pelos lojistas. Representantes do comércio defendem que a piora nos indicadores epidemiológicos não é responsabilidade do setor. A preocupação é retroceder agora que os estabelecimentos começam a se recuperar. Para manter as operações e até avançar nas flexibilizações, entidades comprometem-se a reforçar campanhas de conscientização para os cuidados sanitários. Em Porto Alegre, o total de infectados cresceu mais de 24% no último mês. Porém, vale ressaltar que aumentou também a procura por teste rápido da doença, segundo destaca o secretário adjunto de Saúde, Natan Katz.

PSB se divide entre Manuela e Melo – A definição sobre o apoio no segundo turno rachou o PSB. Apesar de a direção da executiva municipal preferir Manuela D’Ávila (PCdoB), o resultado da discussão interna foi o oposto. Diante do cenário, é possível uma intervenção do presidente nacional do partido, Carlos Siqueira – cabe à executiva nacional a decisão nas capitais. Ele voltou a ligar Sebastião Melo (MDB) com o bolsonarismo. Quem defende a aproximação com o emedebista cita argumentos locais para a opção por Melo, além da marcação de distanciamento ao PT, partido do vice de Manuela. Uma das defensoras desta ala é a deputada Liziane Bayer. Enquanto o PSB não se define, o PV aderiu à campanha de Manuela e parlamentares de nove partidos marcaram apoio a Melo

Senado aprova projeto que autoriza continuidade de acordo sobre a Lei Kandir – O Senado aprovou o Projeto de Lei Complementar 133/2020, que regulamenta a decisão para transferir recursos da União a estados e municípios para compensar perdas de arrecadação relativas à Lei Kandir. A aprovação ocorre após acordo firmado no Supremo Tribunal Federal entre a federação e o Fórum Nacional de Governadores, decorrente de análise de Ação Direta de Inconstitucionalidade por Omissão (ADO). A aprovação do projeto irá autorizar o andamento do acordo assinado com a União, que prevê a transferência de 65,6 bilhões de reais acumulados até 2037. Desse montante, 75% irão para os estados e os 25% restantes, para os municípios. A participação de cada unidade da federação foi definida no projeto, cabendo 9,2% ao Rio Grande do Sul. Em cada Estado, a divisão entre os municípios será pelo Índice de Participação dos Municípios no ICMS (IPM).

Outros links:


Diálogos Matinais: Um novo Cais é possível

No artigo de hoje, a advogada especialista em Direito Público Jacqueline Custódio recupera brevemente a história do Cais Mauá, faz críticas a como o espaço vem sendo tratado pelo poder público e aponta o potencial da área, há tanto tempo apartada dos porto-alegrenses.

“Se a Porto Alegre fosse administrada para as pessoas, uma proposta para o cais consideraria os limites com o Lago Guaíba e todos os ônus e bônus que são decorrência desta circunstância. Ali, temos a beleza da contemplação e a reconexão com a natureza em pleno centro da cidade; mas temos também uma área inundável, cuja ocorrência traumatizante para a cidade foi a enchente de 1941. Estas características do local devem ser o ponto de partida para se pensar uma abordagem de requalificação do cais.”

Leia o artigo completo aqui.


Cultura

Festival Cinema Negro em Ação destaca presença feminina

Camila de Moraes. Foto: Natasha Montier/Divulgação

Idealizadora e curadora do 1º Festival Cinema Negro em AçãoCamila de Moraes conversou com Roger Lerina sobre a mostra online, que segue em cartaz até 27 de novembro exibindo longas, curtas, videoclipes e obras de videoarte assinados por realizadoras e realizadores negros. Segunda diretora negra na história do Brasil a exibir no circuito comercial um longa – o documentário O Caso do Homem Errado (2017), que aborda a questão do genocídio da juventude negra no país –, Camila falou sobre o festival, representatividade negra no audiovisual brasileiro e presença feminina atrás das câmeras: “Nós, mulheres negras, estamos cada vez mais chegando de bonde para contar as nossas histórias”. Leia a entrevista.

Agenda (🔒)

Para receber todas as dicas culturais do Roger Lerina enviadas aos assinantes premium do Matinal, assine aqui.

Hoje
Festival de Música Negra Zilah Machado transmite, a partir das 18h, os shows de AfroentesGlau BarrosGrupo de Choro Villa- Lobos e Valéria. Quem comanda a apresentação é Negra Jaque, em mais uma atividade da SMC alusiva ao Dia da Consciência Negra.

Às 20h, a banda 50 Tons de Pretas faz live de lançamento do disco Voa.

Sábado (21/11)
caminhada a pé “A Ilhota e o Areal da Baronesa: carnaval, futebol e resistência”, às 15h, percorre territórios negros de Porto Alegre nos bairros Menino Deus, Cidade Baixa e Praia de Belas.

E mais.

Receba a agenda completa


Você viu?

As eleições do último domingo determinaram a entrada de mais mulheres e negros na Câmara de Porto Alegre. E com este aviso da chegada de novos tempos no Legislativo da cidade, três bolsistas do Projeto de Extensão Meninas na Ciência decidiram criar uma campanha que coloca a negritude feminina em evidência na UFRGS. A iniciativa é chamada de “Na UFRGS tem Negras” e foi lançada em outubro, com a coordenação da professora de Física Carolina Brito. O objetivo é mostrar quem são, quantas são e em quais cursos estão as alunas pretas da universidade. A campanha espera receber mais respostas até 19 de dezembro, data de encerramento da iniciativa. Mais detalhes do projeto podem ser acessado pelo perfil no Instagram meninasnaciencia.

RELACIONADAS
Inscreva-se no ZapMatinal

Receba todas as manhãs um boletim com as principais notícias sobre Porto Alegre e o RS pelo WhatsApp. Além da mensagem em texto, o ZapMatinal traz também uma versão em áudio.

Ou ouça na sua plataforma de streaming favorita

O matinal
PRECISA
de você

Precisamos bater a meta do nosso crowdfunding para seguirmos ativos em 2021

O matinal
PRECISA
de você

Precisamos bater a meta do nosso crowdfunding para seguirmos ativos em 2021

Receba de segunda a sexta a Matinal News, a newsletter que traz as principais notícias e eventos de Porto Alegre e do RS.