Ensaios Fotográficos

Um desvio por Havana

Change Size Text
Um desvio por Havana

A comunicação verbal e escrita é apenas uma tecnologia da qual serei para sempre fiel, transparente, em sintonia com o meu coração, justa e verdadeira. Mas Havana e todos que encontrei por lá me tocaram para além do que se pode dizer, e foi calada que me permiti navegar por um universo desconhecido. Enfrento o inesperado com a plenitude de saber que este é o único caminho possível. 

Conhecer Havana é como viajar no tempo para uma realidade paralela. Os cortiços centrais não têm água encanada, na maioria, e não há nenhum luxo sequer além da poesia dos azulejos coloridos herdados dos períodos de maiores riquezas materiais. Mas se limitarmos nossa visão ao olhar, estruturas físicas decadentes é tudo o que podemos ver. 

Adentrar as vielas de Havana é desfazer-se de pré-julgamentos visuais e instalar internamente um novo sistema de percepção. É compreender valores humanos que transcendem o que fomos ensinados a valorizar. Em qualquer rua podemos conversar sobre política e sobre a história do mundo, tal qual como tem sido. Temos respostas surpreendentes para os questionamentos mais complexos a respeito de amor e liberdade. Há consciência da força individual e da necessidade diária de lutar para que os sonhos e as ambições comuns e particulares se realizem no plano físico. 

A autoestima desse povo é invejável, enquanto indivíduos e sociedade. E, mais ainda, a solidariedade e a noção de comunidade me comovem. As mulheres são lindas sem se olhar no espelho e sem ligar se estão bem na foto. Atrás da câmera me permito derramar lágrimas de emoção. Me sinto mais alta, mais forte. Uma vontade grande de mudar os rumos, de fazer parte cada vez mais de algo maior, por mim, por todas. Quem precisa de coisas? Aqui não falta nada.

Publicidade
Publicidade


Gabriela Mo se formou em Jornalismo porque sempre gostou de escrever. Do texto, passou para a linguagem visual e se expressa como fotógrafa há mais de 15 anos. Em 2016, começou a dirigir filmes para a Vice Media. Representada hoje no Brasil pela produtora Untitled, Gabriela vê beleza no dia a dia e imprime uma identidade estética naturalista em suas obras, sejam documentais ou comerciais. Como diretora de cena, assinou campanhas para Coca-Cola, Facebook, Kenzo, Google, Samsung, Natura, Itaú e Avon.

marca-parentese

Abra um parêntese no seu fim de semana com jornalismo e boas histórias. Deixe seu email e receba toda semana as newsletters da revista Parêntese.

Receba de segunda a sexta a Matinal News, a newsletter que traz as principais notícias e eventos de Porto Alegre e do RS.