Entrevista

Tabajara Ruas: Da fronteira para o mundo sem fronteiras

Change Size Text
Tabajara Ruas: Da fronteira para o mundo sem fronteiras Tabajara Ruas (Foto: arquivo pessoal)
Esta entrevista será publicada em duas partes. Ela continua na edição 137 da Parêntese, semana que vem.

A gente conversa com o Tabajara e tem a impressão de um tanto de verossimilhança: um mesmo sujeito inocentemente sai de Uruguaiana, se associa com a esquerda até precisar se exilar, saindo com uma escova de dentes apenas, vive no Chile, é exilado na Dinamarca, filma em Portugal e trabalha como arquiteto em São Tomé e Príncipe – tudo isso antes dos 40 anos?

Bem, agora ele está por completar seus 80, o que nos faz imaginar o tanto que se acrescentou de novos episódios a essa vida de romance. Romancista central em sua geração, roteirista e marcante diretor de cinema, Marcelino Tabajara Ruas Gutierrez conversou com Carlos Caramez, Cláudia Laitano e este que vos escreve. Ainda pandemia, mas mais mansa, neste Brasil que atormenta, sem trégua. 

A primeira parte rolou no dia 9 de junho de 2022, via zoom. O papo estava indo muito bem até que caiu a luz, como se diz – não a luz do entrevistado, mas a da energia. E precisamos encerrar o papo momentaneamente. Alguns dias depois, retomamos, mas essa segunda parte da conversa vai ao ar na semana que vem. 

O Taba completa 80 anos neste 2022 como Caetano Veloso, como Paul McCartney, como Paulinho da Viola, como Gilberto Gil. O Brasil e o mundo ganharam muito com essa fornada, não foi?

(Texto: Luís Augusto Fischer)


Parêntese – Quando os caras do “Casseta e Planeta” ficavam com aquele negócio das “operações Tabajara”, aquilo te incomodou ou não?

Tabajara – Na verdade, não incomodava a mim, mas incomodava o pessoal ao meu redor porque eu, sem vaidade ou menosprezo, não assistia ao “Casseta e Planeta”.  Nenhum preconceito, pelo contrário, mas eu não assistia. Então, não me tocava e eu via pelas outras pessoas me perguntando coisas.

Parêntese – A gente começa falando dos 80 anos, uma idade que impressiona, mas ao mesmo tempo você está muito bem acompanhado porque a safra de 42 é simplesmente maravilhosa. Todos os gênios da MPB que fazem aniversário agora…

Tabajara – Começa lá em Uruguaiana e vai subindo até o Amazonas.

Parêntese – E vai até Liverpool, porque o Paul MacCartney é de 42 também. Não é pouca coisa.

[Continua...]

O acesso a esse conteúdo é exclusivo aos assinantes premium do Matinal. É nossa retribuição aos que nos ajudam a colocar em prática nossa missão: fazer jornalismo e contar as histórias de Porto Alegre e do RS.

 

 
 
 

 

 

 

 
 
 

 

 
conteúdo exclusivo
Revista
Parêntese


A revista digital Parêntese, produzida pela equipe do Matinal e por colaboradores, traz jornalismo e boas histórias em formato de fotos, ensaios, crônicas, entrevistas.

Quer ter acesso ao conteúdo exclusivo?

Assine o Premium

Você também pode experimentar nossas newsletters por 15 dias!

Experimente grátis as newsletters do Grupo Matinal!

RELACIONADAS
ASSINE O PLANO ANUAL E GANHE UM EXEMPLAR DA PARÊNTESE TRI 1
ASSINE O PLANO ANUAL E GANHE UM EXEMPLAR DA PARÊNTESE TRI 1
ASSINE E GANHE UMA EDIÇÃO HISTÓRICA DA REVISTA PARÊNTESE.
ASSINE E GANHE UMA EDIÇÃO HISTÓRICA DA REVISTA PARÊNTESE.