Agenda, Artes Visuais

Ação artística (d)enuncia mortes por Covid-19 no Brasil

Change Size Text
Ação artística (d)enuncia mortes por Covid-19 no Brasil Cartaz. Foto: Imprensa CCMQ/Divulgação

A performance coletiva Quase-oração, que acontece entre os dias 25 e 30 de janeiro, reunirá mais de 50 convidados, que se revezarão de duas em duas horas, para contabilizar os números das vítimas fatais da Covid-19 no Brasil.

Além da Casa de Cultura Mario Quintana diversos pontos do país irão exibir a projeção da performance. O público poderá acompanhar ao vivo a leitura dos números pelo Instagram @quaseoracao.

A performance será encerrada ao atingir-se a marca total dos mortos até o momento.

A ação se prolonga por cinco dias (24 horas por dia), com a participação de pessoas de diferentes estados do território nacional, e brasileiros no exterior (Alemanha, Bélgica, Portugal, Itália, Inglaterra). 

Integram a ação nacional artistas e articuladores culturais locais como Chana de Moura, Cristina Ribas, Daniel Escobar, David Ceccon, Diego Groisman, Eduardo Montelli, Guilherme Dable, Guilherme Mautone, Izis Abreu, Juliana Proenço, Laura Cattani, Leticia Lopes, Manoela Cavalinho, Marcelo Chardosim, Paula Ramos e Rafael Pagatini, dentre outros.  

No momento em que retoma gradativamente e de forma controlada a visitação pública, a Casa de Cultura Mario Quintana recebe a performance coletiva Quase-oração como reafirmação das posturas adotadas pela instituição ao longo da pandemia.

— É fundamental que um espaço cultural como a CCMQ dê visibilidade e registre, para que jamais seja esquecido, esse grande corpo de pessoas mortas pela pandemia — resume o diretor da instituição, Diego Groisman.

segunda-feira, 25 a 30 de janeiro de 2021 | 08h00 - 08h00

CCMQ (Rua dos Andradas, 736 – Centro Histórico de Porto Alegre)

Escolhe um dos combos

Pagamento exclusivo via cartão de crédito