Agenda, Dança, Música, Teatro

Ana Karina Sebastião, Marat Descartes e Florydo Fogo na programação virtual do Sesc

Change Size Text
Ana Karina Sebastião, Marat Descartes e Florydo Fogo na programação virtual do Sesc Ana Karina. Foto: José de Holanda/Divulgação

Terça-feira é dia de instrumental dentro da programação do Música #EmCasaComSesc, que nesta semana, terça (27/4), recebe a contrabaixista Ana Karina Sebastião, direto de São Paulo.

Ela apresenta um repertório variado, com músicas autorais, caso de Ela Gosta e Groovin, além de releituras de clássicos da MPB de artistas como Djavan, Chiquinha Gonzaga e Tom Jobim. O show conta com a participação de seus irmãos Michel Sebá (voz) e William Sebastião (sax). Durante a apresentação, Ana Karina interage com o público respondendo perguntas e comentários enviados pelo chat do YouTube.

Na quarta (28/4), o ator Marat Descartes apresenta no Teatro #EmCasaComSesc, direto de São Lourenço da Serra (SP), o monólogo Primeiro Amor.

Com texto de Samuel Beckett (1906-1989) e direção de Georgette Fadel, a obra narra a desventura existencial e amorosa de um homem em desajuste completo com a vida em sociedade: um típico burguês improdutivo, ocioso e em desacordo com os valores de sua classe, da qual recebe o julgamento de ser inútil, perdedor e vagabundo. Sempre recluso em seu quarto escuro, ele é obrigado a sair de casa com a morte do pai, passando a vaguear entre cemitérios e outras paisagens mórbidas, até ser surpreendido por Lulu – com quem esse anti-herói viverá seu único, último e primeiro amor. Após a apresentação, o ator e a diretora participam de um bate-papo com o público.

Na quinta (29/4), direto de São Paulo, o Dança #EmCasaComSesc recebe Florydo Fogo, artista do teatro e da dança, com o solo Evocando Utopyaz.

A obra traz uma miríade de desdobramentos a partir do histórico de vivências artísticas de Florydo, incluindo a realidade pandêmica – e, com ela, as novas necessidades e reflexões teórico-pedagógicas encruzilhadas na direção do fazer arte. Ao acessar a figura criada no trabalho Feminino Abjeto, com orientação e direção de Janaina Leite, Florydo se depara com a necessidade de resgatar saberes que se aproximam de sua ancestralidade e que borram questões normativas de gênero. Veste-se deste “avatar” para ocupar em dança o espaço deste cotidiano no qual travamos nossas coreografias comuns, por vezes banais na repetição da experiência do espaço, e propõe começar pelo corpo como suporte da transformação. Une dança e performance ao brincar com linguagens e códigos visuais e usa o desenho enquanto registro do percurso desta coreografia pela espacialidade casa ou, ainda, templo.

Publicidade
Publicidade

As transmissões acontecem, às 19h, no Instagram Sesc Ao Vivo e no YouTube Sesc São Paulo.

“Evocando Utopyaz”. Foto: Victor Rosa/Divulgação

terça-feira, 27 a 29 de abril de 2021 | 19h00

RELACIONADAS

Quer saber tudo sobre cultura e eventos em Porto Alegre e no RS? Então assine a newsletter do Roger Lerina e receba as dicas no seu e-mail!

Receba de segunda a sexta a Matinal News, a newsletter que traz as principais notícias e eventos de Porto Alegre e do RS.