Agenda | Música | Notas

As Batucas promovem oficina de percussão e vocal “Especial Cumbia”

Change Size Text
As Batucas promovem oficina de percussão e vocal “Especial Cumbia” Foto: Mari Korman

Inspiradas por Las Chicas del Sol, Totó La Momposina, Lila Downs e La Yegros, as Batucas propõem uma imersão pela América Latina, utilizando a poderosa cumbia como fio condutor. No dia 21 de junho acontece a Imersão Batucas: Especial Cumbia, com oficina percussiva e de voz aos cuidados de Biba Meira, Julia Pianta e Raquel Pianta.

As inscrições custam R$ 100 e podem ser feitas pela plataforma Sympla. A oficina acontece no Estúdio das Batucas, na rua Miguel Tostes, próximo ao Hospital de Clínicas — o endereço exato é enviado por e-mail assim que a inscrição é confirmada.

Publicidade

A Colômbia, na região do Caribe, é o berço da cumbia, ritmo que se ouve em cada radinho de pilha, boteco ou salão de baile por lá. Os portos e áreas costeiras, com seu entra e sai de transeuntes e culturas, originou este que é um ritmo que provém da mistura dos povos indígenas locais, dos escravizados trazidos à revelia do continente Africano, e dos espanhóis que haviam se estabelecido na região no século XVIII.

Cumbia, do termo afro ‘cumbé’, que significa festa, é mais que um ritmo. É atitude, vestuário, danças e bailes típicos. Em sua composição original, utiliza três tipos de tambores, além das famosas maracas guache e gaitas. De seus seis instrumentos típicos, cinco são percussivos.

A ideia desta oficina é trazer para as participantes o universo da cumbia e trabalhar algumas músicas, seja na percussão ou vocal. “A Imersão Batucas é uma oficina pensada para ser uma experiência do que é ‘ser uma Batuca’. Com duração de duas horas, aborda tanto práticas percussivas, quanto experiências de canto” afirma Julia Pianta.

O objetivo é que as alunas tenham um contato mais próximo com instrumentos como o surdo, o tamborim, o agogô, a caixa e o chocalho, além de se familiarizarem com questões rítmicas, de pulso da música e da conexão com o corpo.

O momento da prática vocal é ministrado pela musicista Raquel Pianta, e engloba os aquecimentos vocais – de respiração e corpo – e o aprendizado de uma canção para as alunas cantarem juntas. Sempre pensando as atividades para iniciantes na música, tanto os aquecimentos quanto as canções serão trabalhadas de forma acessível para todas.

Já a parte percussiva fica aos cuidados de Biba Meira, referência como uma das grandes bateristas brasileiras, criadora das Batucas e integrante de muitos grupos de renome aqui e no Brasil, e Julia Pianta, regente das Batucas ao seu lado.

A oficina se encerra numa grande celebração dos ensinamentos percussivos com a prática vocal, com todas tocando e cantando juntas.

sexta-feira, 21 de julho de 2024

Muito legal ficar sabendo de tudo o que acontece na cidade, né?
Este conteúdo é exclusivo para assinantes e é por causa da sua valiosa contribuição que você tem acesso a tudo o que está rolando de mais legal nas artes, e isso tudo através da curadoria do jornalista Roger Lerina. Se você valoriza este conteúdo, compartilhe nas suas redes sociais para que mais gente tenha contato com o melhor da Cultura.
Share on whatsapp
Share on twitter
Share on facebook
Share on email
Se você já é assinante, obrigada por estar conosco no Grupo Matinal Jornalismo! e tenha acesso a todos os nossos conteúdos.Compartilhe esta reportagem em suas redes sociais!
Share on whatsapp
Share on twitter
Share on facebook
Share on email

;
PUBLICIDADE

Esqueceu sua senha?