Agenda

Exposição do MUHM aborda a gripe espanhola

Change Size Text
Exposição do MUHM aborda a gripe espanhola
Há cem anos, uma das epidemias mais avassaladoras da história se espalhou pelo mundo, ignorando fronteiras e os esforços das autoridades para controlá-la. Conhecida como gripe espanhola, a doença infectou nada menos do que 600 milhões de pessoas e deixou 40 milhões de mortos. A exposição Gripe Espanhola: A Marcha da Epidemia apresenta a trajetória da doença, mostrando seus reflexos não apenas no contexto mundial, mas também como ela alterou a rotina dos moradores de Porto Alegre, onde 1.316 pessoas morreram. Por meio da recuperação de informações publicadas na imprensa da época, de documentos oficiais e de imagens históricas é possível recontar um pouco do impacto da gripe espanhola pelo mundo. A epidemia eclodiu em um momento em que a Europa encontrava-se devastada pela I Guerra Mundial. O movimento das tropas facilitou a disseminação do vírus, bem como a carência de recursos médicos da época e a censura imposta pelas autoridades à sua divulgação. A exposição retrata ainda a trajetória dos médicos porto-alegrenses que atuavam na linha de frente do combate à doença. Muitos, inclusive, foram vitimados por ela. terça a sexta

Quer ter acesso ao conteúdo exclusivo?

Assine o Premium

Você também pode experimentar nossas newsletters por 15 dias!

Experimente grátis as newsletters do Grupo Matinal!

Quer saber tudo sobre cultura e eventos em Porto Alegre e no RS? Então assine a newsletter do Roger Lerina e receba as dicas no seu e-mail!

Escolhe um dos combos

Pagamento exclusivo via cartão de crédito