Agenda, Artes Visuais

Observação artística de Xadalu na Fundação Iberê Camargo

Change Size Text
Observação artística de Xadalu na Fundação Iberê Camargo
De 8 a 15 de abril, a Fundação Iberê Camargo recebe o artista visual Xadalu para uma Residência Artística no Ateliê de Gravura. Nesse período, ele experimentará a técnica da gravura em metal, tendo como tema a mitologia guarani mbya. Excepcionalmente neste sábado (13/4), das 14h às 17h, o ateliê abrirá suas portas para que o público possa acompanhar a produção do artista. A atividade é gratuita e as inscrições devem ser feitas neste link. Prêmio Açorianos de Artes Visuais 2019 – Destaque em Exposição Individual, Xadalu tem uma profunda relação com a arte e a cultura indígenas no Rio Grande do Sul, e seu envolvimento com a causa mbya-guarani traz luz para a questão do resgate e continuidade da cultura indígena no Estado. Na infância, Dione Martins (Xadalu) e um amigo imaginaram criar a empresa que leva o nome dos artista. O sonho foi realizado logo nas primeiras intervenções nas ruas, com o indiozinho que colava pelas paredes. Embora seja trineto de guaranis e filho de negra, Xadalu não reivindica a identidade indígena – mas, por meio de sua arte, quer dar visibilidade às etnias. – Sou mestiço e não fico à espera por mudanças na sociedade, potencializo a minha arte para agir na escala individual – explica o artista. Dione tem fortalecido sua relação com comunidades indígenas do Estado, sempre buscando formas de contribuição e apoio aos moradores das aldeias. Da mesma forma, o artista está atento às demandas dos bairros periféricos, ministrando cursos e oficinas em escolas e comunidades. Sab das 14h às 17h

Quer ter acesso ao conteúdo exclusivo?

Assine o Premium

Você também pode experimentar nossas newsletters por 15 dias!

Experimente grátis as newsletters do Grupo Matinal!

RELACIONADAS

Escolhe um dos combos

Pagamento exclusivo via cartão de crédito