Agenda | Notas

Rodas da Cura irão debater a presença e o protagonismo negro nas artes cênicas

Change Size Text
Rodas da Cura irão debater a presença e o protagonismo negro nas artes cênicas Cristiane Sobral, uma das grandes expressões da dramaturgia contemporânea, é uma das atrações. Foto: Sílvia Abreu/Divulgação.

As produções que se propõem a pensar as contra colonizações cênicas e apontam modos futuros para os processos de criação serão tema das Rodas da Cura, que irão ocorrer durante a CURA – 1ª Mostra de Artes Cênicas Negras de Porto Alegre, de 2 a 7 de dezembro, às 15h.

A série de encontros online será ao vivo com transmissão pelo YouTube e site da mostra.

Na quarta (2/12), às 15h, realiza-se o painel Negras e Negros em Movimento, com as presenças da atriz, professora e pesquisadora Celina Alcântara (RS); do articulador cultural, ator, diretor, dramaturgo e artista plástico, Rodrigo França (RJ); da atriz Vera Lopes (RS/BA), e da atriz e produtora cultura, Silvia Duarte (RS).

Na quinta (3/12), às 15h, o tema será As gingas negras como fundamento cênico: jeitos, modos e tempos de narrar histórias do corpo e contará com as presenças do bailarino, coreógrafo e investigador de culturas, Rui Moreira (RS/MG); da bailarina e coreógrafa Iara Deodoro (RS), fundadora do Grupo Afro-Sul de Música e Dança; da pesquisadora Cleyce Colins (MA), e do artista e professor do Curso de Dança-Licenciatura na Universidade Federal de Pelotas, Manoel Timbaí (RS/BA).

O terceiro painel ocorre na sexta (4/12), às 15h, e discorrerá sobre Dramaturgia como prenúncio: corpo palavra e a dança dos tantos nós. Participam da mesa, a escritora, poeta, atriz e professora de teatro, Cristiane Sobral (MG); a atriz, diretora e dramaturga Grace Passô (MG), e a performer e atriz, co-fundadora do Pretagô, Silvana Rodrigues (RS).

No sábado (5/12), às 15h, é a vez do painel Rede de Festivais e Mostras Pretas, com curadoria, articulação e estratégias de futuro e contará com as presenças da arquiteta Thaise Machado, curadora, palestrante, facilitadora, estrategista e gestora cultural, uma das idealizadoras do Festival Porongos-RS; da atriz, professora, produtora cultural e pesquisadora, Ellen de Paula, e do ator e diretor Gabriel Cândido, ambos idealizadores e curadores do Festival Dona Ruth-SP; do ator, diretor, produtor e professor Thiago Pirajira, curador e um dos idealizadores  da Mostra CURA-RS, e do produtor e curador Paulo Mattos, um dos idealizadores da Segunda Black-RJ.

No domingo (6/12), às 15h, o público acompanhar a quinta mesa, que irá tratar do tema Cena útero: corpo e processos criativos de artistas mães. Integram o painel a atriz e professora Dedy Ricardo (RS), integrante do grupo Usina do Trabalho do Ator, em Porto Alegre; da atriz e pesquisadora Mayura Matos (RS); da bailarina, atriz e professora Joana Amaral (RS),  e da atriz, produtora Silvia Duarte (RS), uma das idealizadoras da Mostra Cura.

Encerrando as Rodas da Cura, na segunda (7/12), às 15h, o debate versará sobre o tema Veículo SUR: performatividades em movimento e trará abordagens da coreógrafa e pesquisadora Malu Avelar (MG); do coreógrafo e articulador/gestor cultural Mário Lopes (Brasil / Finlândia); do ator, diretor, professor e curador Thiago Pirajira (RS), além da artista e educadora e Ekedji Didam Hou Braga (MA).

quarta-feira, 02 a 07 de dezembro de 2020 | 15h00 - 15h00

PUBLICIDADE