Artigos

A Arca de Edgar

Change Size Text
A Arca de Edgar
Aí vai um desenho, literalmente, sem graça. Fora da charge, do cartum, HQ, caricatura etc., tenho desenvolvido um trabalho com aquarela. E cheguei neste experimento: com base em um tema (a Arca de Noé, no caso), sobre um mínimo esboço a lápis, espalhar as cores da aquarela, e esperar que elas “queimem” o papel e sequem. E a partir dessa base, “extrair”, com grafite e lápis de cor, figuras das manchas resultantes, mais ou menos como quem “vê” imagens nas nuvens. O resultado é aleatório, não pretendendo ilustrar o tema – que é só pretexto. O negócio é olhar com calma, pra achar as 44 figuras que “emergiram” para mim. E todos, claro, podem descobrir seus próprios monstrengos…

Quer ter acesso ao conteúdo exclusivo?

Assine o Premium

Você também pode experimentar nossas newsletters por 15 dias!

Experimente grátis as newsletters do Grupo Matinal!

RELACIONADAS
ASSINE E GANHE UMA EDIÇÃO HISTÓRICA DA REVISTA PARÊNTESE.
ASSINE E GANHE UMA EDIÇÃO HISTÓRICA DA REVISTA PARÊNTESE.

Escolhe um dos combos

Pagamento exclusivo via cartão de crédito