Agenda | Notas | Teatro

Festival Ponto de Teatro exibe quatro peças gaúchas em maratona virtual

Change Size Text
Festival Ponto de Teatro exibe quatro peças gaúchas em maratona virtual Peça "A Vó da Menina" Foto: Projeto Gompa/Divulgação

Após uma pausa em 2020 por conta da pandemia, o projeto Ponto de Teatro está de volta, agora em formato de festival e com apresentações gratuitas e online. A iniciativa do Instituto Ling, que visa impulsionar a produção de artes cênicas no Rio Grande do Sul, apoiando e garantindo espaço às criações do teatro local, exibirá quatro espetáculos gaúchos inéditos em uma maratona cultural de 26 a 30 de maio.

A cada dia, uma nova peça será apresentada em sessão única, seguida de conversa com os criadores do espetáculo, mediada pelo curador do projeto, o jornalista e crítico de teatro Renato Mendonça. Serão três montagens adultas, exibidas sempre às 20h, e uma dedicada ao público infantil no sábado, às 16h

Publicidade

Programação

Na quarta-feira (26/5), às 20h, o público poderá conhecer o espetáculo Paraíso Afogado, uma versão diferente da peça #paraiso_afogado que foi apresentada ao vivo durante o Porto Alegre em Cena de 2020. Na nova interpretação, a Cia. Espaço em Branco decidiu assumir a peça como um produto audiovisual, totalmente gravado, com trabalho pesado de edição. “É o que chamamos de kinoteatro” explica o ator e diretor João de Ricardo – JdR. Na montagem com texto de Thomas Köck, marés de palavras e lixo trazem memórias e dejetos deixados por uma civilização que há muito habitou a Terra.

Na quinta-feira (27/5), às 20h, será apresentada a montagem Quase Corpos – Episódio 1: A Última Gravação, criação coletiva da Tribo de Atuadores Ói Nóis Aqui Traveiz. Versão livre da peça Krapp’s Last Tape, de Samuel Beckett, o espetáculo mostra o confronto de um homem de 69 anos, interpretado por Paulo Flores, com o seu passado. Hoje, nada mais é que um decrépito, muito míope, quase surdo e desleixado, que escuta no gravador a fita-registro de 30 anos atrás. Escuta sua própria voz narrar extintas aspirações, lembranças de amores perdidos, a morte da mãe, a esperança não confirmada de êxito comercial literário. Depois, gravará uma nova fita, como faz todos os anos, no dia do seu aniversário. Um homem amargurado, a remoer-se em plena solidão, parece nada ter de relevante a evocar ou perpetuar.

Na sexta-feira (28/5), às 20h, a atração será a peça A Vó da Menina, do Projeto Gompa, com direção de Camila Bauer e Bruno Gularte Barreto e dramaturgia de Lígia Souza, Pedro Bertoldi e Sandra Dani. A partir do relato de mulheres com mais de 65 anos, o espetáculo apresenta fragmentos da vida de uma senhora que vive sozinha e que tem a sua autonomia questionada devido à idade. Ao longo de um ano, a partir do fatídico março de 2020, se instauraram tempos de ameaça à saúde pública, afetando o cotidiano de todos. Neste contexto, a neta passa a ser seu elo com o mundo, revelando diferentes descobertas para os dois universos.

No sábado (29/5), às 16h, a atração será para a família toda, com a exibição da montagem infantil Sr. Esquisito. A peça, com texto original do escritor e ilustrador gaúcho Hermes Bernardi Jr., é resultado de uma formação inédita composta pelos artistas Arlete Cunha, Evandro Soldatelli e Rodrigo Vrech, responsáveis pela direção, roteiro e interpretação do espetáculo. Em cena, eles brincam de contar, cantar e interpretar personagens que parecem ter saído das ilustrações de um livro infantil. A narrativa é sobre um escritor que nasceu num dia de nevasca, colecionava lápis, e que poderia ter tornado o mundo ainda mais bonito, se não tivesse se despedido dele tão cedo.

As apresentações e os bate-papos serão transmitidos pelo canal do YouTube do Instituto Ling. Para receber o link direto de acesso às atividades, basta fazer inscrição prévia e sem custo no site do instituto.

Os quatro espetáculos estarão disponíveis pelo canal do YouTube do Instituto Ling até o final deste domingo (30/5).

quarta-feira, 26 a 30 de maio de 2021 | 20h00

PUBLICIDADE

Esqueceu sua senha?