Música, Notas

Parceria une artistas de três regiões em homenagem a Manuel Bandeira e ao Recife

Change Size Text
Parceria une artistas de três regiões em homenagem a Manuel Bandeira e ao Recife Frame. Foto: Laurentino Rocha/Divulgação

Numa iniciativa pioneira que nasceu em plena pandemia, o literário modernista pernambucano Manuel Bandeira e a cidade do Recife são homenageados em canção que tem a participação de artistas do centro oeste, nordeste e sul do país.

Lançada às vésperas do natal de 2020, Sarau da Aurora, composição feita em parceria pelo poeta recifense Laurentino Rocha, a cantora sul matogrossense Monycah Ramos e os gaúchos Beto Gonzales e Matheus Alves, busca resgatar o imaginário e a infância de Bandeira, retratados em muitos de seus poemas.

Reverencia, ainda, as noites de sarau, o mangue, o rio capibaribe, a lendária rua da aurora e a vida boêmia do bairro da Boa Vista (centro do Recife), na última década do século XIX, transportando o passado para o presente.

Para Beto Gonzales, Sarau da Aurora é uma música energética, sutil e universal, que contribuiu para aglutinar várias pessoas de diferentes regiões em torno de uma ideia, que foi prestar homenagem a Manuel Bandeira e a Veneza brasileira, um dos importantes berços da cultura nacional.

Monycah Ramos expressou a sua felicidade e emoção por dedicar a música a Manuel Bandeira e a cidade natal do seu avô. E finalizou dizendo o quanto foi desafiador o projeto, em função do momento atual e por tudo ter se desenvolvido à distância.

Confira o clipe:

RELACIONADAS

Quer saber tudo sobre cultura e eventos em Porto Alegre e no RS? Então assine a newsletter do Roger Lerina e receba as dicas no seu e-mail!

Receba de segunda a sexta a Matinal News, a newsletter que traz as principais notícias e eventos de Porto Alegre e do RS.