Agenda | Cinema

Jeferson Tenório comenta “Bacurau” em live do projeto Meu Filme Favorito

Change Size Text
Jeferson Tenório comenta “Bacurau” em live do projeto Meu Filme Favorito Foto: Cinemascópio/Divulgação

O escritor e professor de literatura Jeferson Tenório é o convidado da quarta edição deste ano do projeto Meu Filme Favorito, do Instituto Ling. Nesta quinta-feira (29/7), às 19h, em bate-papo com o jornalista e crítico de cinema Roger Lerina, curador da programação, o autor falará sobre uma de suas produções cinematográficas preferidas: o longa-metragem Bacurau, que tem codireção de Kleber Mendonça Filho e Juliano Dornelles

O encontro virtual acontece pela plataforma Zoom. Para participar, basta fazer inscrição prévia e sem custo no site do Instituto Ling.

Durante o evento online, o público poderá acompanhar as discussões, interagir com os debatedores e ainda assistir a algumas das principais cenas do filme. A obra ganhou o Prêmio do Júri no Festival de Cannes de 2019 e figurou nas listas dos melhores filmes do ano da revista francesa Cahiers du Cinéma e do jornal The New York Times, além de vencer em seis categorias do Grande Prêmio do Cinema Brasileiro – incluindo melhor filme e direção.

Uma coprodução Brasil-França, o longa é uma mistura de western brasileiro com aventura e ficção científica. No filme, pouco após a morte de dona Carmelita aos 94 anos, os moradores de um pequeno povoado localizado no sertão brasileiro, chamado Bacurau, descobrem que a comunidade não consta mais em qualquer mapa. Aos poucos, percebem algo ainda mais estranho na região: enquanto drones passeiam pelos céus, estrangeiros chegam à cidade pela primeira vez. Quando cadáveres começam a aparecer na região, Teresa (Bárbara Colen), Domingas (Sônia Braga), Acácio (Thomas Aquino), Plínio (Wilson Rabelo), Lunga (Silvero Pereira) e outros habitantes chegam à conclusão de que estão sendo atacados. Falta identificar o inimigo e criar coletivamente um meio de defesa.

Nascido no Rio de Janeiro e radicado em Porto Alegre, Jeferson Tenório é graduado em Letras pela UFRGS e atua como professor na rede privada de ensino da capital gaúcha. É mestre em Literaturas Luso-africanas, pela mesma Instituição, e atualmente, é doutorando em Teoria da Literatura na PUCRS. Como escritor, conquistou diversas premiações de relevo, entre eles os prêmios de Livro do Ano, para O Beijo na Parede (2014) e Estela Sem Deus (2018). Teve textos adaptados para o teatro e contos traduzidos para o inglês e o espanhol. Seu mais recente lançamento, O Avesso da Pele (2020), já teve os direitos de adaptação comprados para o cinema, assim como os direitos de publicação vendidos para Itália e Portugal.

quinta-feira, 29 a 29 de julho de 2021 | 19h00

RELACIONADAS
ASSINE E GANHE UMA EDIÇÃO HISTÓRICA DA REVISTA PARÊNTESE.
ASSINE E GANHE UMA EDIÇÃO HISTÓRICA DA REVISTA PARÊNTESE.

Escolhe um dos combos

Pagamento exclusivo via cartão de crédito