Música | Notas

Arthus Fochi lança single e clipe de “Cinema Nacional”

Change Size Text
Arthus Fochi lança single e clipe de “Cinema Nacional” Foto: Buildup Media/Divulgação

Após estrear pelo selo Astronauta com a faixa inédita Quarentena, o cantor e compositor carioca Arthus Fochi lançou Cinema Nacional. A canção e clipe integram também o projeto Astronauta Singles, que comemora os 20 anos da label baseada no Rio de Janeiro e tem distribuição da Universal Music

A composição traz a visão única de Fochi e sua relação com a política atual. Usando de uma lírica afiada, ele contextualiza o recente corte de verbas do Fundo Setorial do Audiovisual e ressignifica essa crise para falar em um panorama mais amplo, das desigualdades perenes e banalizadas no Brasil.

Cinema Nacional é uma música que conta um pouco de um cansaço, de sempre ler e ouvir notícia ruim. De como o caos vende, de como a tragédia é viciante. Mas também é uma música que fala outras coisas, de alienação, de esperança, da contradição. Sinto que essa canção acabou adquirindo muitas matizes reflexivas, e acho que é uma obra com um teor irônico também. Eu gosto de escrever para muitas interpretações. E de alguma maneira é bem íntima, por exemplo, realmente eu adoro ver séries de histórias medievais — revela Arthus.

O vídeo se inspirou no tradicional uso do sangue e sensacionalismo para vender jornais e traz essa ideia para o contexto do cinema, em que os filmes de guerra e variadas modalidades de violência são alguns dos de maior bilheteria. Incorporando a realidade da atual pandemia e a crise econômica gerada por ela, o clipe é estrelado por Bolão, vizinho de Arthus Fochi, durante o dia da sua mudança da rua onde morou por 45 anos.

Esta é a segunda faixa do artista refletindo sobre o momento de isolamento social devido à Covid-19 – a primeira foi sua estreia no projeto Astronauta Singles, com “Quarentena”. 

Arthus Fochi é compositor, poeta, cantor, e pesquisador. Atua no desenvolvimento e intercâmbio cultural entre diversos países da América Latina. Com seu trabalho solo procura misturar ritmos e diferentes estéticas, variando entre o folk latino americano, a MPB, a world music, a música experimental, lo-fi e o jazz.

Além de suas próprias composições, Arthus também produz outros artistas e é diretor do selo Cantores del Mundo, onde reúne artistas independentes do Brasil e de outros países da América do Sul.

Confira o clipe de Cinema Nacional aqui.

Capa. Foto: Divulgação
RELACIONADAS
PUBLICIDADE

Esqueceu sua senha?