Ensaios Fotográficos

The Óculus

Change Size Text
The Óculus

Projetado um ano após o ataque de 11 de setembro de 2001 às torres gêmeas do World Trade Center, e quatorze anos em construção, The Óculus foi construído para abrigar um centro de transporte por onde passam várias linhas de metrôs, bem como trens entre Manhattan e Nova Jersey. Além da importância de ser um nexo de trânsito, um grande apelo do Óculus é seu design, formas geometricamente interessantes e espaço onde luz natural e elétrica jogam continuamente, criando reflexos e sombras que se desdobram, alto e baixo, dia e noite através de sua ampla construção em vidro e metal. Embora o Óculus tenha surgido entre as cinzas da destruição, a obra, do arquiteto espanhol Santiago Calatrava, é um digno sucessor e se destaca de forma independente como um sucesso impressionante. Além de sua vida como uma estação de trens e aconchegante área de muitas lojas, o Óculus é um espetáculo de impressões visuais que se revelam infinitamente através do espaço arquitetônico. Ao lado do reconstruído One World Trade Center, o próprio Óculus é mesmo uma imensa joia prática e expansiva como um espírito.















Charles Chuck Martin é fotógrafo e foi entrevitado pela Parêntese na edição 92.

RELACIONADAS
;
ASSINE O PLANO ANUAL E GANHE UM EXEMPLAR DA PARÊNTESE TRI 1
ASSINE O PLANO ANUAL E GANHE UM EXEMPLAR DA PARÊNTESE TRI 1
Participe da campanha Crowdfunding Matinal 2024 e apoie a Matinal.org!

Esqueceu sua senha?

ASSINE E GANHE UMA EDIÇÃO HISTÓRICA DA REVISTA PARÊNTESE.
ASSINE E GANHE UMA EDIÇÃO HISTÓRICA DA REVISTA PARÊNTESE.