Artigos, Cinema

Uma loba protegendo as crias em território hostil

Change Size Text
Uma loba protegendo as crias em território hostil Vitrine Filmes/Divulgação

O ótimo drama mexicano Los Lobos (2019) estreia nos cinemas brasileiros nesta quinta-feira (16/9). O filme dirigido por Samuel Kishi teve sua estreia mundial na mostra Geração do Festival de Berlim, onde conquistou o Grande Prêmio do Júri Internacional para Melhor Filme. No Brasil, foi exibido no 9º Festival Olhar de Cinema de Curitiba, onde também recebeu a premiação de Melhor Filme da mostra.

Los Lobos é inspirado na história de vida do próprio diretor, e acompanha a história dos irmãos Max e Leo e de sua mãe Lucía (Martha Reyes Arias), que juntos cruzam a fronteira do México com os Estados Unidos em busca de uma vida melhor. “Quando eu tinha cinco anos, minha mãe deixou meu pai e levou eu e meu irmão de três anos para os EUA. Cruzamos a fronteira com visto de turistas ao declarar que íamos para a Disneylândia. Minha mãe não tinha nenhum emprego, não falava inglês e não tínhamos um lugar seguro para morar. Ao viajar às pressas, nossas posses eram apenas algumas roupas, alguns brinquedos e um gravador de fitas”, relembra o cineasta.

Como na vida real, Lucía encontra um lugar para ficar, de acordo com o pouco dinheiro que tem, e ainda precisa sair para trabalhar e deixar as duas crianças sozinhas no pequeno apartamento recém alugado. Utilizando a imaginação como ferramenta para passar o tempo, as crianças criam uma visão particular do mundo, enfrentando a saudade e o tédio que os rodeiam. Enquanto esperam a mãe voltar, pensam na promessa que ela fez sobre visitarem a Disneylândia.

Vitrine Filmes/Divulgação

A nova vizinhança de Max e Leo é composta por vários imigrantes, entre eles latinos e chineses – todos na mesma situação que a deles. “Foi muito importante para mim basear-me nas histórias e vivências da comunidade imigrante de Albuquerque para a produção desse filme. Fiz uma mistura de elementos ficcionais e documentais em Los Lobos, e fui compondo caracteres fictícios em locais reais, seus arredores e o multiculturalismo que se construiu para a comunidade de imigrantes”, explica o realizador Samuel Kishi.

Los Lobos é um retrato sobre uma família imigrante em terras estrangeiras, onde não são exatamente bem-vindos – e sobre como laços improváveis podem ser feitos quando se encontra um denominador comum. O filme mostra tanto o acolhimento entre mãe e filhos – que precisam crescer para entender o mundo ao seu redor – quanto as difíceis decisões de uma mulher sozinha, que deseja um futuro para as crianças melhor do que o seu.

Vitrine Filmes/Divulgação

Los Lobos: * * * 

COTAÇÕES

* * * * * ótimo     * * * * muito bom     * * * bom     * * regular     * ruim

Assista ao trailer de Los Lobos:

RELACIONADAS

Quer saber tudo sobre cultura e eventos em Porto Alegre e no RS? Então assine a newsletter do Roger Lerina e receba as dicas no seu e-mail!

Escolhe um dos combos

Pagamento exclusivo via cartão de crédito