Notas, Televisão

Série apresenta crianças de diferentes regiões como protagonistas de sua própria cultura

Change Size Text
Série apresenta crianças de diferentes regiões como protagonistas de sua própria cultura Frame, episódio 4, Jaguarão. Foto: Divulgação

Estreou no dia 10 de janeiro, no CineBrasil TV, a série Me Liga Na Lata, projeto fruto do programa Território do Brincar e sua jornada de anos de imersão em diversos locais do Brasil, para registrar os gestos e expressões infantis e apresentar um país sob o olhar das crianças. 

Renata Meirelles e David Reeks são os responsáveis pela direção desta série documental, que é produzida pela Maria Farinha Filmes e conta com a iniciativa do Instituto Alana e Território do Brincar.

— A força desse trabalho é o diálogo entre crianças de diferentes regiões do Brasil. Através do telefone de lata, elas contam de si e da cultura local. Mas acredito que as imagens do corpo que brinca, constrói seus brinquedos e mostra tudo o que sabem fazer, seja a comunicação mais forte entre elas. É importante destacar que é uma produção para o público infantil — comenta a diretora, Meirelles.

Em 13 episódios, de até 26 minutos de duração, Me Liga Na Lata visita comunidades indígenas, quilombolas, do sertão, do litoral e de grandes centros urbanos nos Estados do Espírito Santo, Ceará, Rio Grande do Sul, Minas Gerais, Bahia, Maranhão, São Paulo e Paraná, conectando crianças de cada local a um telefone de lata, fio condutor na hora de levar a cultura de uma região a outra de forma simples e divertida, que só os pequenos conseguem. 

Os episódios destrincham hábitos, brincadeiras, modo de vida e até vocabulário usado por comunidades específicas de cada local, sempre pela voz de uma criança, que comenta sobre seu aprendizado, dia a dia e como é viver em meio a sua cultura.

Com distribuição da Flow, Me Liga Na Lata será exibido no CineBrasil TV.

Frame. Foto: Divulgação

Sinopse
Crianças de comunidades indígenas, quilombolas, do sertão, litoral ou grandes centros urbanos de nove Estados brasileiros conversam entre si através de um telefone de lata. Suas narrativas “na lata” criam uma cumplicidade de temas ao mesmo tempo que revelam aspectos singulares de cada região. Assim, vamos conhecendo um Brasil a partir das crianças.

RELACIONADAS

Quer saber tudo sobre cultura e eventos em Porto Alegre e no RS? Então assine a newsletter do Roger Lerina e receba as dicas no seu e-mail!

Receba de segunda a sexta a Matinal News, a newsletter que traz as principais notícias e eventos de Porto Alegre e do RS.