Matinal News

Porto Alegre tem o maior número de internações em UTI em 2021

Change Size Text
Porto Alegre tem o maior número de internações em UTI em 2021 Robson da Silveira/PMPA

Porto Alegre tem o maior número de internações em UTI neste ano

Enquanto centenas de pessoas se aglomeravam no litoral ao longo do feriadão de Carnaval, crescia a pressão no sistema de saúde da Capital. Ontem, mais de 92% dos leitos de UTI estavam ocupados, com 312 pacientes com Covid-19 e 36 com suspeita da doença, chegando ao maior número de 2021. No Hospital Moinhos de Vento, sete pessoas em estado grave aguardavam leito(🔒). 

O aumento nas internações motivou a Secretaria Municipal da Saúde a convocar uma reunião para discutir a possibilidade de se abrir novas vagas de leitos de UTI. A situação é “assustadora”, diz o professor de epidemiologia da UFRGS Paulo Petry. “Estamos caminhando para o colapso. As aglomerações do Carnaval vão repercutir ainda na semana que vem”, alerta. O desrespeito ao distanciamento social torna-se ainda mais preocupante pela possibilidade de nova variante no RS. “Quanto mais tempo o vírus circula, maior probabilidade de ocorrerem mutações. E pode ser que o novo vírus seja imune à vacina, que é feita para um determinado vírus”, explica Petry.

O cenário é preocupante em todo o Rio Grande do Sul, onde 1,9 mil novos casos foram registrados ontem e quase 80% dos leitos de UTI estão ocupados. Desde o início da pandemia, já morreram 11,4 mil pessoas pelo coronavírus no Estado, que está no aguardo de novas doses de vacina. Segundo a colunista de GZH Kelly Matos, o RS deve receber 300 mil imunizantes na próxima semana (🔒). Se não for confirmada a chegada das novas remessas aos estados, há risco de interrupção nas campanhas de vacinação em todo o Brasil, situação que já ocorre em cidades da região metropolitana.

E como está a vacinação no Estado? Até ontem, o RS havia recebido 704.400 doses e distribuído 697.803 aos municípios. Desse total, apenas 239.391 foram aplicadas. Para Alcides Silva de Miranda, professor de Saúde Coletiva da UFRGS, a lentidão da imunização é responsabilidade do governo federal e sua “omissão criminosa”. Sem o planejamento central, característica das campanhas de vacinação no Brasil, estados e municípios ficaram “cada um por si”. Em Porto Alegre, a primeira idosa vacinada no Estado recebeu a segunda dose. Também na Capital começaram a ser vacinados idosos de 83 e 84 anos – não sem enfrentar longas esperas. A orientação da Secretaria Municipal de Saúde é evitar o Centro de Saúde Modelo, onde o movimento é intenso. Veja aqui os endereços e horários de funcionamento de todos os pontos de vacinação.


O que mais você precisa saber

RS retira limite de ocupação em salas de aula – Colégios particulares da Capital que começam a reabrir suas portas hoje têm uma exigência a menos para atender. Um novo decreto publicado pelo governo do Rio Grande do Sul retirou o limite de 50% de ocupação nas salas de aula. Com a decisão, creches, escolas e universidades devem respeitar apenas a exigência de distanciamento mínimo de 1,5 metro entre as cadeiras. O Cpers alerta para o risco de aglomeração em horários como a chegada, o intervalo e a saída. A decisão também repercutiu mal no Sindicato dos Professores do Ensino Privado. Ainda sobre o retorno às escolas, o Tribunal de Justiça do Estado negou uma ação popular que pedia a suspensão das atividades presenciais em escolas de Porto Alegre. A decisão gerou frustração entre alguns pais, preocupados com a situação atual da pandemia no território gaúcho. No sentido oposto ao da determinação do governo de Eduardo Leite (PSDB), a prefeitura de Gramado reforçou as medidas de proteção contra a Covid-19. A gestão local editou decreto que suspende o início do ano letivo, previsto para a próxima segunda-feira.

MJDH pede abertura de inquérito contra secretário por transferência de biblioteca da Smam – O Movimento de Justiça e Direitos Humanos (MJDH) protocolou, na sexta-feira (12), representações pedindo que autoridades investiguem a conduta do secretário municipal de Meio Ambiente, Germano Bremm, no caso da transferência da biblioteca da Smam. Segundo os representantes da entidade – famosa por sua atuação em defesa dos direitos civis durante a ditadura militar – Bremm agiu em desacordo com os princípios básicos da administração pública ao determinar a mudança de endereço do acervo para o Parque Germânia – um local distante do corpo técnico que o consulta para tomadas de decisões. A notícia da transferência da biblioteca foi revelada pelo Matinal no dia 5 e vem gerando mobilizações em defesa do espaço. Leia aqui a reportagem completa sobre o pedido do MJDH.

Prefeitura deve subsidiar transporte por 90 dias – Ganha força a alternativa de subsídio de 12 milhões de reais da prefeitura de Porto Alegre para manter a tarifa de ônibus no patamar atual, de 4,55 reais ou no máximo em 4,70. De acordo com a colunista do Correio do Povo Taline Oppitz, o aporte duraria três meses. A gestão de Sebastião Melo (MDB) e a Associação dos Transportadores de Passageiros (ATP) já se reuniram três vezes, sob mediação do Judiciário, sem chegar a um acordo. Uma nova reunião deve ocorrer na sexta ou segunda-feira. Se o subsídio for efetivado, há expectativas de aumento do número de usuários, hoje em 50% do habitual. Com a retomada das aulas nas redes pública e privada e o reaquecimento do comércio – e se a vacinação evoluir –, a estimativa da ATP é de que, após o período de três meses, o índice de usuários chegue a 70%, viabilizando nova rodada de negociações. O prazo também servirá para o governo Melo levar à Câmara de Vereadores projetos como a revisão das isenções e retomar a discussão sobre o papel dos cobradores.

Denúncia contra Ruy Irigaray deve ser encaminhada à Comissão de Ética da AL  – A investigação sobre irregularidades do deputado Ruy Irigaray (PSL) começam a gerar repercussões importantes dentro da Assembleia Legislativa. O parlamentar é suspeito de utilizar servidores, pagos com dinheiro público, para fins pessoais, de fazer a prática de rachadinha e de manter um “gabinete do ódio” para atacar colegas. O presidente da AL, Gabriel Souza (MDB), afirmou ontem que vai encaminhar a denúncia para a apuração da Comissão de Ética. Na análise de Souza, a reportagem exibida no Fantástico mostra indícios de “procedimentos equivocados”. A Comissão de Ética deve avaliar o caso somente na próxima semana. Segundo uma ex-assessora de Irigaray, o deputado teria utilizado assessores para reformar a casa da sogra dele. Os funcionários ainda teriam feito atividades de babá e empregada doméstica. A servidora ainda gravou um vídeo em que um outro colega admite a prática de rachadinha, mas o parlamentar nega as irregularidades e diz que, nas imagens, o assessor foi induzido a falar.

Outros links:


Cultura

Os três museus mais populares do Rio Grande do Sul planejam reabertura

Museu de Ciência e Tecnologia da PUCRS. Foto: MCT/Divulgação

A repórter Fernanda Wenzel traz dados da pesquisa anual de visitação realizada pelo Instituto Brasileiro de Museus (Ibram). Os números de 2019 – os mais recentes já compilados pela instituição – apontam que o Rio Grande do Sul tem somente três museus na lista dos 100 mais frequentados do país: o Museu de Ciência e Tecnologia da PUCRS, o MARGS e o Museu MilitarLeia a reportagem que apresenta mais informações sobre o estudo e os planos dos museus mais visitados de Porto Alegre para 2021.

Agenda (🔒)

Para receber todas as dicas culturais do Roger Lerina enviadas aos assinantes premium do Matinal, assine aqui.

Receba a agenda completa


Isolada em Amsterdã – ou em qualquer lugar


Vem da Holanda um relato sobre como é estar isolada no país europeu. Ana Bender nos conta um pouco do seu cotidiano por lá. Qualquer semelhança com a sua experiência no Brasil, caro leitor, não será mera coincidência.

“O meu isolamento no rigor do inverno holandês não é pior que o isolamento da Charlotte no Japão, ou do pai do Nathan que há um ano está preso na Colômbia, ou de quem tem familiares nos grupos de risco, ou de quem tem que trabalhar e cuidar dos filhos em casa, ou de quem perdeu o emprego e está em dificuldades financeiras, ou de quem está na linha de frente cuidando dos pacientes e vivenciando as mortes que nós não enxergamos. O seu isolamento não é pior que o isolamento de todas as outras pessoas que vivem hoje no planeta Terra. Comemoramos a virada do ano, mas parece que estamos vivendo o lado B de 2020.”

Leia a crônica completa aqui.


Você viu?

Entre os grandes desejos de quem se vacina está a chance de rever amigos e parentes queridos. Um desses reencontros aconteceu já na sala de vacinação, quando a enfermeira Roseana Paes, que trabalha na Unidade de Saúde Santa Marta, no Centro de Porto Alegre, teve a oportunidade de aplicar uma dose em Cecília Maria da Silva, sua avó. Ao saber que a avó estaria no local para receber a dose, a residente em atenção primária pela Secretaria Municipal de Saúde pediu para aplicar o imunizante. Para Cecília, 85 anos, foi alegria em dose dupla. Além de receber a vacina, reencontrou a neta, que não via pessoalmente desde fevereiro de 2020.

RELACIONADAS

Receba de segunda a sexta a Matinal News, a newsletter que traz as principais notícias e eventos de Porto Alegre e do RS.